bypass shellkaynarca escort kurtkoy escort pendik escort c99 shell base64 encode sunucu tara porno video atasehir escort bayan tecavuz porno izle faiz hesaplama porno film izle jigolo olmak istiyorum güvenilir bahis firmaları canlı maç izle canlı maç izle canlı maç izle halkalı escort bakirkoy escort beylikduzu escort istanbul escort pendik escort atakoy escort halkali escort sirinevler escort atakoy escort pendik escort maltepe escort ataşehir escort maltepe escort pendik escort kartal escort kurtköy escort ataşehir escort ümraniye escort kurtköy escort kadıköy escort pendik escort kartal escort ataşehir escort cialis hap porno video azeri porno izle manisa sex shop rahibe sikiş video toptan çanta izmir porno ankara escort ankara escort ankara escort ankara travesti kadıköy escort şirinevler escort ankara escort ankara escort ankara escort avcılar escort konya escort taksim escort ankara escort ankara escort travesti escort kayseri escort ankara ataköy escort bakırköy escort ankara eskort malatya vip escort escort kartal escort ateşehir escort kurtköy escort pendik escort tuzla escort van escort yozgat escort zonguldak escort zonguldak escort adıyaman escort alanya escort bodrum escort edirne escort hatay escort ısparta escort van escort yozgat escort zonguldak escort zonguldak escort adıyaman escort alanya escort bodrum escort edirne escort hatay escort ısparta escort Kocaeli Escort Kütahya Escort Seks Hikaye Malatya Escort Bayan Kuşadası Escort Bayan Hatay Escort Bayan Gebze Escort Bayan Kayseri Escort Bayan Gebze Eskort Sakarya Escort Bayan İzmit Escort nice servis bahçe kapısı motoru nice türkiye Bft türkiye pergola Dış cephe mantolama otomatik kepenk tamiri mum ağacı evden eve nakliyat nice türkiye l koltuk takımı epoksi mantar bariyer istabul nice bariyer epoksi zemin kaplama escort bayan escort istanbul halkalı escort şirinevler escort bayan istanbul escort şişli escort bayan bakırköy escort avcılar escort istanbul escort ataşehir escort avcilar escort fuck google kurtkoy escort Kartal Escort php shell download instagram takipçi hilesi instagram takipçi hilesi instagram takipçi instagram free followers instagram takipçi satın al instagram followers hack free instagram followers instagram takipçi hilesi instagram takipçi satın al instagram takipçi satın al instagram followers bot instagram takipçi hilesi free instagram followers instagram takipçi hilesi astropay kart astropay card ucuz astropay astropay al astropay satın al astropay bozum astropay bozdurma adana seo canlı bahis kaçak bahis siteleri Capacitação para Elaboração de Laudo Técnico de Vistoria Predial
Narrow screen resolution Wide screen resolution Auto adjust screen size Increase font size Decrease font size Default font size

>> ASTEF - Conhecimento, Experiência e Competência

Capacitação para Elaboração de Laudo Técnico de Vistoria Predial
 

Realização: ASTEF

Apoio: NUTEC - Fundação Núcleo de Tecnologia Industrial do Ceará


OBJETIVO

Orientar os profissionais na realização da autovistoria predial, apresentando informações técnicas e jurídicas sistematizadas por integrantes da própria equipe de instrutores.
O programa é construído a partir de uma perspectiva multidisciplinar, com ênfase no rigor técnico e na responsabilidade civil requerido por esse tipo de inspeção.


PÚBLICO ALVO
Engenheiros Civis, Eletricistas, Mecânicos, Segurança do Trabalho e demais modalidades interessadas; Arquitetos; Peritos de Engenharia e estudantes de Engenharia do último período.

 


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

1. Leis: estadual, municipal, decreto e lei federal do Rio de Janeiro
1.1 A Lei Estadual nº 6400 de 05/03/2013, Lei Complementar nº 126 de 26 de março de 2013 (Institui a obrigatoriedade de realização de vistorias técnicas nas edificações existentes no Município do Rio de Janeiro e dá outras providências); Decreto nº 37.426 de 11/07/2013 e PLS 491/2011 (PL 6014/2013: Determina a realização periódica de inspeções em edificações e cria o laudo de inspeção técnica de edificação). Além das leis do Ce

 

1.2. Preparando para a compreensão da Lei Federal.

1.3. Conceito e Noções de Engenharia Diagnóstica, com abordagem geral das suas aplicações.

1.4. Conceitos, Definições e Metodologia da Inspeção Predial consoante a norma técnica do Instituto de Engenharia, com detalhamento dos níveis, abordagem técnica do check-list, análises dos graus de risco e tópicos do laudo.

1.5. Análise de Risco, Ordem de Prioridades e Qualidade Predial Total.

1.6. Conceitos e Aspectos Relevantes da Manutenção Predial consoante a doutrina e a norma da ABNT – NBR-5674/99, além de apresentação de aspectos de viabilidade e diagnóstico do sistema de manutenção.

1.7. Cases.

2. Elaboração da ART

2.1 Como elaborar a ART nas diversas modalidades.

 

3. Custo e elaboração da proposta

3.1 Aplicação dos valores e elaboração das propostas.

1. ENGENHARIA CIVIL

Estrutura de concreto armado – Inspeção visual para detecção de fissuras, trincas e rachaduras que possam estar correlacionadas à problemas de natureza estrutural ou diretamente ligadas às fundações da edificação; Subsolos – Avaliação do sistema de esgotamento de água de lavagem e drenagem pluvial; avaliação das cortinas laterais e laje de subpressão; Fachadas – Inspeção visual num primeiro momento, com recomendação de instalação de andaimes suspensos para análise detalhada, caso o estado de alteração do revestimento esteja em estágio avançado e que possa oferecer risco iminente de queda em áreas privativas e/ou de uso comum; Esquadrias – Análise unidade por unidade do estado de conservação das esquadrias, que possa oferecer risco de queda em áreas privativas e/ou de uso comum da edificação. Quando for possível. Empenas – Inspeção visual num primeiro momento, com recomendação de instalação de andaimes suspensos para análise detalhada, caso o estado de alteração do revestimento esteja em estágio avançado e que possa oferecer risco iminente de queda em áreas privativas e/ou de uso comum; Marquises – Avaliação do conjunto como um todo, com ênfase em sua drenagem; impermeabilização; reboco inferior; e analise se há sobrecarga no sistema estrutural devido a colocação de letreiros; unidades de condensação de sistemas de ar condicionado; Telhados – Avaliação do madeiramento de sustentação do telhado e do sistema de drenagem das calhas de deságue das águas pluviais, bem como do sistema de fixação de telhas. Hidrossanitárias – Inspeção visual das colunas de esgotamento primário e secundário, principalmente nos pontos de desvio normalmente localizados no pavimento de uso comum ou nas garagens elevadas ou no subsolo.

2. ENGENHARIA ELÉTRICA

Instalações elétricas – NBR 5410 – Baixa tensão; NBR 5418 – Instalações a Prova de Explosão. Relatar o tipo de entrada, termos nominais, tipo de medição, tipo de proteção. Categoria e características dos quadros elétricos de entrada e distribuição; sistema do SPDA – sistema de proteção contra descargas atmosféricas conforme preconiza a NBR 5419 da ABNT.

3. ENGENHARIA MECÂNICA

3.1 – Elevadores: Casa de Máquinas: Máquina de tração: Cabos de tração e polias; conjunto de freio; cabos de força (elétrico). Limitador de Velocidade: Identificação; contato elétrico; cabo do limitador. Quadro de Comando: Identificação; contactores; relés; placas eletrônicas; proteção do quadro; fusíveis e aterramento. Instalação da Casa de Máquina: chave de força; extintores; luz de emergência e; Intercomunicador; Torre / Caixa e Poço: Limites finais de curso; cabo de compensação; tensor do limitador; Parachoques; Iluminação da torre e botão de emergência; Cabina / estrutura: Aparelho de segurança; cabos de manobra; teste luz de emergência; teste de alarme e intercomunicador e teste de iluminação; Teto: Botoeiras de inspeção e Pavimentos: Fixações e trincos das portas de pavimentos e chave de emergência.

3.1 – Escadas rolantes: quadro de força; iluminações e tomadas dos poços; motor; redutor; freio da máquina; freio auxiliar; aterramentos; pentes superiores e inferiores; entrosamento degraus/pentes superiores e inferiores; corrimões; botões de emergências; iluminação verde superior e inferior; iluminações de degraus superiores e inferiores; comando de subida e descida; folga entre rodapé e degrau; rodapé; tampa do rodapé, corrente de degrau; contato de segurança do rodapé; avisos e advertências; contato de segurança do esteirão e corrente; STOP; contatos das placas pentes, inferiores e superiores; contatos de entrada de corrimões superiores e inferiores; segurança de degrau; balaustradas.

Nota: RIA – Relatório de Inspeção Anual para Elevadores – Apesar da obrigatoriedade por lei de se ter este tipo de relatório. Recomendamos ao Engenheiro realizar a inspeção nos elevadores, visando eliminar qualquer tipo de responsabilidade sobre o equipamento.

3.2 – Ar Condicionado Split e de parede: fixação na fachada e instalações elétricas.

3.3– Instalações de Gás: verificar se a instalação nas unidades é embutida; se existe recorrência de cheiro nas unidades e no quadro de marcadores (PI), se as prumadas externas estão fixadas e identificadas com pintura ou palavra “gás” e se o PI possui ventilação.

Para que os responsáveis pelas inspeções das instalações de gás possam se orientar melhor, deve-se ao início dos trabalhos. Dividiremos uma instalação de gás em 04 (quatro) itens, conforme abaixo:

1 – Ramais alimentadores internos

2 – Abrigos de medidores ou reguladores e centrais de GLP (mencionar a utilização)

3 – Ramificações internas

4 – Aparelhos de consumo de gás e as adequações de ambientes de instalação.

3.3.1 – Aquecedores: local da instalação, verificar chama e tubulações de gás.

3.3.2 – Boilers: instalações elétricas, mencionar a dificuldade devido a estar instalado em local de difícil acesso.

 


INSTRUTORES
Luiz Antônio Fonseca Punaro Baratta
Engenheiro Mecânico / Segurança do Trabalho / CREA: RJ – 150592/D - Graduação em Engenharia Mecânica pelo CEFET/RJ; especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho pela UFF; experiência em trabalhos ferroviários como técnico responsável pela oficina de locomotiva de carga; especialização em Engenharia de Avaliação de Máquinas e Equipamentos pela UFF; especialização em Engenharia Legal e Perícias Judiciais pela UFF; especialização em Transportes Verticais e Escadas Rolantes pelo (NTT); Perito atuante nas comarcas do Tribunal de Justiça (TJ) e de várias varas civis do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) do Estado do Rio de Janeiro; professor do curso de capacitação em autovistoria ministrado pelo SENGE – Sindicato dos Engenheiros do Rio de janeiro (desde 11/2014) e Coordenador e conselheiro da Câmara de Engenharia Mecânica e Metalurgia do CREA-RJ.

Jorge Luiz Bitencourt da Rocha

Engenheiro Eletricista e Engenheiro Operacional Eletrônico. Possui mestrado em Engenharia Elétrica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1990). Gestor educacional e coordenador da pós-graduação EaD e Presencial da UNISOCISEC -RJ/ES. Professor Adjunto Aposentado do Magistério de Ensino Federal. Professor da Universidade Veiga de Almeida. Professor RTI da Universidade Santa Úrsula, onde é membro do NDE das Engenharias. Presidente da ABEE-RJ. Tem profunda experiência em projetos e serviços na área de Engenharia Elétrica, Tecnologia da Informação, Controle e Automação Predial e Industrial. Áreas de conhecimento: Sistemas Embarcados, Instalações Elétricas, Automação e Controle de Processos e Processamento de Sinais. Consultor Técnico do INTPS. Atividades exercidas: Foi Pró-reitor de Ciências Exatas e Tecnologia da Universidade Gama Filho. Atuou como Coordenador Geral nos cursos de graduação na Universidade Estácio de Sá: Engenharia Elétrica, Engenharia Elétrica ênfase Computação e ênfase Telecomunicações; Coordenador de Pós- graduação de Engenharia de Manutenção, Coordenador do curso Politécnico de Instalações Elétrica-Eletrônicas. Professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) 1994 a 1996. Membro da CIPA do  Parque Material Aeronáutico do Galeão onde trabalhou como técnico e inspetor Avionics de 1976 a 1987. Professor da Universidade Gama Filho 1986 a 1987 e da UERJ de 1992 a 1996. Coordenador executivo da comissão estadual de Energia e Meio Ambiente do Partido Socialista Brasileiro 2005 a 2006. Chefe da Divisão de Exercício Profissional do Clube de Engenharia 2009 a 2011. Chefe da Divisão de Formação do Engenheiro do Clube de Engenharia 2007 a 2009.  Sócio e Diretor Técnico da Powered Informática. Professor Adjunto aposentado do Quadro Permanente do Magistério de Ensino Superior da Marinha do Brasil, lotado no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk 1988 a 2013.


Jorge Luiz Mattos
Engenheiro civil; professor de patologia e do curso de capacitação em autovistoria ministrado pelo CREA e Coordenador e conselheiro da Câmara Especializada de Engenharia Civil do CREA-RJ. Há 30 anos como consultor em projetos na área civil.

 


COORDENAÇÃO
Dalva Carvalho


CERTIFICADO
O aluno que obtiver frequência igual ou superior a 85% receberá o CERTIFICADO DE PARTICIPAÇÃO.



PERÍODO E HORÁRIO DO CURSO
Dias: Dias 17 e 18 de novembro de 2017
Das 8:00 às 12:20h e de 13:20 às 17:40h

CARGA HORÁRIA
20 horas


VALOR DO INVESTIMENTO
R$ 620,00 – Profissional
R$ 480,00 - Estudantes

* Os estudantes deverão enviar (por e-mail -  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ) uma declaração da instituição de ensino (papel timbrado), com data recente, contendo o seu nome completo e o número da sua matrícula, informando que você está devidamente matriculado.


FORMA DE PAGAMENTO
Cartão de Crédito
http://www.astef.ufc.br/


LOCAL DA AULAS
Universidade Federal do Ceará – UFC
Campus do Pici 
Av. Humberto Monte, s/n
Parquelândia
Bloco 727


INFORMAÇÕES GERAIS
1. A ficha de inscrição deverá ser preenchida online: www.astef.ufc.br;
2. Será fornecido um CD;
3. Se até a data indicada, o pagamento não tiver sido efetivado, o pedido de inscrição será automaticamente cancelado;
4. Se o número de vagas não for preenchido a ASTEF reserva-se o direito de NÃO realizar o curso e haverá devolução do valor anunciado. A ASTEF não se  esponsabilizará pelos encargos do cartão de crédito;
5. OBSERVAÇÃO: O tempo do curso é calculado considerando a hora/aula de 50 minutos, conforme o Parecer CNE/CP nº 2/2009;
6. Caso haja desistência por parte do aluno, devolveremos 80% do valor pago. O prazo de devolução é de até 30 dias (úteis) após a solicitação formal e recebimento de todas as informações bancárias.


OUTRAS INFORMAÇÕES
ASTEF - Serviços Tecnológicos
Fone/Fax :((85) 3458 7068
Cel.: (85) 99177 37 88 - Alessandra
Cel. :(85) 98818 4114 - Dalva
Homepage: http://www.astef.ufc.br/
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.


 

FAÇA SUA INSCRIÇÃO - Profissional
FAÇA SUA INSCRIÇÃO - Estudantes
FAÇA SUA INSCRIÇÃO - Pessoa Jurídica

 

 

antalya escort,antalya escort,ankara escort,ümraniye escort,ankara escort,
antalya escort bayan,
porno,
istanbul escort,şişli escort bayan,bakırköy escort,
epoksi zemin kaplama,
Kartal Escort,
pendik escort,maltepe escort,ataşehir escort,maltepe escort,pendik escort,
kartal escort,ateşehir escort,kurtköy escort,pendik escort,tuzla escort,
php shell download,
izmir escort kizlar dekorasyon cember makinesi sohbet siteleri serit cember